Começa a festa do Bolsa Família: Pagamentos de R$ 600! Não perca as datas

Começa a festa do Bolsa Família e se você quer saber qual será o valor do pagamento no mês de junho, não pode perder este artigo!

Começa a festa do Bolsa Família uma vez que os pagamentos já estão disponíveis para as famílias desde 17 de junho (segunda-feira). Assim, os beneficiados têm acesso a um pagamento de R$ 600,00, que pode ser maior com o acréscimo de outros auxílios que o governo oferece.

De fato, o Bolsa Família se tornou um programa essencial para pessoas, que infelizmente, vivem na linha de pobreza. Por outro lado, graças a esta iniciativa, desde 2004, milhões de famílias deixaram de passar fome a conseguiram viver em condições mais dignas e justas na sociedade.


Começa a festa: qual é o valor do Bolsa Família do mês de junho?

No mês de junho, as famílias passam a receber o valor de R$600,00 sem contar com outros benefícios que alteram o valor do repasse. O valor hoje, é próximo a 50% do salário mínimo nacional e atende mais de 20 milhões de famílias em todos os estados brasileiros.
Dessa maneira, o programa não apenas faz a transferência de renda, como também impõe alguns critérios para garantir que as famílias se atentem a pontos como saúde e escolaridade. Além disso, o governo mostra uma preocupação com mulheres, principalmente com gestantes, visando uma vida melhor desde antes de ela começar.
Uma mulher sorrindo com a carteira de trabalho na mão e o cartão do Bolsa Família. Ela comemora, pois, cmeça a festa do Bolsa Família
Imagem: Reprodução/GOV/MDS
Outro meio de garantir que as famílias que recebem realmente precisam, é pela constante atualização dos dados dos beneficiados. Com isso, é possível assegurar não apenas que o valor chegue às famílias certas, como também fica mais fácil identificar quais mães e filhos precisam de auxílios complementares.

Qual a renda mínima para receber o Bolsa Família 2024?

Como um programa com o foco no público mais vulnerável, a renda mínima para receber o Bolsa Família é R$218,00 per capita. Desse modo, apenas famílias que realmente necessitam de ajuda podem contar com o governo.

Se você não sabe como fazer o cálculo, nós falamos um pouco mais sobre isso abaixo para te orientar e ver se você pode fazer o pedido ou se não se enquadra no principal critério do programa.

Como é feito o cálculo para receber o Bolsa Família?

“Per capita” é a mesma coisa que “por pessoa”, então, o cálculo leva em consideração a quantidade de dinheiro que entra (renda) e o número de membros na família. Então, você vai pegar o valor da renda e dividi-lo pelo número de pessoas na casa, vamos usar um exemplo que se enquadra no Bolsa Família

R$1412,00 (valor do salário mínimo) ÷ por 7 pessoas = R$ 201.70.

Dessa maneira, é necessário incluir outras rendas na conta caso um filho ou outra pessoa da mesma família também gere renda dentro de casa. E se a renda crescer enquanto você recebe o benefício?

É necessário, antes de tudo, notificar ao CRAS e adicionar estas informações nas atualizações dos seus dados. Contudo, se o valor não superar o valor de meio salário mínimo por integrante, a família ainda continua recebendo o Bolsa Família durante dois anos.

O recurso é chamado de Regra de Proteção e já beneficiou quase três milhões de famílias do Norte ao Sul do país. Este benefício vem com o intuito de incentivar as famílias a ingressarem no mercado de trabalho sem o medo de perder uma ajuda tão importante para elas.

Com todas estas informações, sem dúvida, começa a festa do Bolsa Família! E aqui, todos os dias temos novidades sobre este e outros programa feitos para ajudar o Trabalhador Brasileiro!

Moysés Batista
Escrito por

Moysés Batista