URGENTE: Cuidado com golpistas do INSS! Veja como realizar a prova de vida com segurança!

Se você é aposentado ou pensionista do INSS, tenha bastante cuidado com os golpistas e saiba como realizar a prova de vida com segurança! 

Cuidado com golpistas do INSS!
Foto: Banco de Imagens

Isso porque tem sido muito comum a ocorrência de golpes aos aposentados e pensionistas, com os criminosos se passando por supostos agentes do INSS.

A boa notícia é que há maneiras eficientes para você proteger-se dos golpes e fazer uma prova de vida com segurança e devidamente com um auditor real do INSS.

Como funciona o golpe da falsa ‘prova de vida’?

No geral, o golpe funciona da seguinte maneira. Falsos agentes do INSS, inclusive com crachás, vão aos domicílios das pessoas. Para entrar nas casas, informam que estão indo fazer uma prova de vida.

Nesse sentido, a prova de vida do INSS é a comprovação, como diz o próprio nome, de que o beneficiário está vivo para continuar recebendo benefícios como a aposentadoria.

Cuidado com golpistas do INSS
Foto: cartaz de alerta emitido pelo Portal GOV.BR

Voltando ao golpe, uma vez dentro da casa do beneficiário, o falso agente do INSS solicita fotos e dados, como número de identidade, conta bancária, CPF e outros cadastros.

O golpista costuma solicitar cópias digitais ou físicas dos documentos. E com isso em posse, consegue aplicar outros golpes bancários para tomar dinheiro das vítimas.

Como identificar um falso agente do INSS?

Em primeiro lugar, saiba que o INSS pode fazer visitas regulares aos beneficiários. Porém, isso acontece em casos bem específicos de inconstância de dados como o próprio endereço.

O importante é você saber que em nenhum caso o INSS faz prova de vida diretamente na casa do beneficiário. Portanto, o agente que visitar a casa do idoso pode ser real para outros assuntos, mas nunca para a prova de vida.

Assim, se receber alguém alegando ser agente do INSS para fazer a prova de vida, pode negar a visita e não enviar dados, sabendo que o Instituto não realiza esse tipo de serviços.

Porém, se o agente indicar outra necessidade, como confirmação de residência, o profissional solicitará apenas para conferir o documento na presença do próprio morador.

Cuidado com golpistas do INSS!
Foto: documentos apreendidos pela Polícia, G1.com

Nesses casos, a visita pode ser real e segura. De toda maneira, todos os agentes contam com o número no crachá e você pode se informar sobre a veracidade pelo telefone 135.

Como funciona a prova de vida?

Por muito tempo, o INSS brasileiro resultava como prova de vida o comparecimento à uma unidade do instituto.

Porém, atualmente, o INSS não exige mais esse tipo de visita. Isso porque a prova de vida passou a ser realizada de maneira unilateral pelo próprio INSS.

Agora, o INSS faz a prova de vida por conta própria por meio do cruzamento de dados com outras entidades federais. Por exemplo, quando você vai a um hospital público, oferece dados de comparecimento.

Ao comparecer no CRAS, por exemplo, para receber qualquer tipo de benefício social do governo, o idoso também emite uma prova de vida que é recebida pelo INSS.

Nesse sentido, você pode saber se o INSS já fez a prova de vida anual diretamente pelo app MEU INSS, ou telefonar para a central 135.

Quando o cruzamento de dados oferece informações suficientes, a prova de vida já é atestada. Em caso de problemas, o INSS pode entrar em contato, mas nunca com uma visita direta à casa do beneficiário.

Gabriel Gonçalves
Escrito por

Gabriel Gonçalves