Mudança no PIS/PASEP 2024 concede R$ 1.412 sem sair de casa e traz alívio para trabalhadores

O governo anunciou mudanças importantes nos programas de abono salarial PIS e PASEP, que começarão a valer em 2024. Essas alterações têm como objetivo melhorar a gestão e a entrega dos benefícios, beneficiando mais de 24 milhões de trabalhadores.

O governo anunciou mudanças importantes nos programas de abono salarial PIS e PASEP, que começarão a valer em 2024. Essas alterações têm como objetivo melhorar a gestão e a entrega dos benefícios, beneficiando mais de 24 milhões de trabalhadores.

Mudança no PIS/PASEP 2024 concede R$ 1.412 sem sair de casa e traz alívio para trabalhadores (Imagem: Jeane de Oliveira/ FDR)

Os trabalhadores elegíveis receberão um abono salarial de até R$ 1.412, conforme o tempo de trabalho registrado no ano-base de 2022.

Os novos critérios para receber o benefício incluem:

  • Estar inscrito no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos.
  • Ter trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias no ano-base.
  • Ter recebido uma remuneração média mensal de até dois salários mínimos.
  • Ter os dados trabalhistas atualizados na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

Pagamentos do PIS/PASEP em 2024

A partir de 2024, os pagamentos serão feitos de acordo com o mês de nascimento do beneficiário. Essa mudança visa simplificar o processo de recebimento e tornar o acesso ao benefício mais ágil. Confira o calendário de pagamentos:

  • Nascidos em janeiro: 15 de fevereiro de 2024
  • Nascidos em fevereiro: 15 de março de 2024
  • Nascidos em março e abril: 15 de abril de 2024
  • Nascidos em maio e junho: 15 de maio de 2024
  • Nascidos em julho e agosto: 17 de junho de 2024
  • Nascidos em setembro e outubro: 15 de julho de 2024
  • Nascidos em novembro e dezembro: 15 de agosto de 2024

É importante lembrar que os valores não sacados até a data limite de 27 de dezembro de 2024 serão retornados aos fundos PIS/PASEP. Por isso, é essencial que os beneficiários estejam atentos ao calendário e mantenham seus dados pessoais atualizados para garantir o correto recebimento do abono.

Valor do PIS/PASEP 2024

O valor do abono salarial PIS/PASEP para 2024 varia entre R$ 118,00 e R$ 1.412,00, dependendo do tempo de trabalho no ano-base de 2022.

Abaixo está a simulação para cada mês trabalhado:

  • 1 mês: R$ 118,00
  • 2 meses: R$ 236,00
  • 3 meses: R$ 354,00
  • 4 meses: R$ 472,00
  • 5 meses: R$ 590,00
  • 6 meses: R$ 706,00
  • 7 meses: R$ 826,00
  • 8 meses: R$ 944,00
  • 9 meses: R$ 1.060,00
  • 10 meses: R$ 1.178,00
  • 11 meses: R$ 1.296,00
  • 12 meses: R$ 1.412,00

Esses valores são calculados dividindo o valor total do abono (R$ 1.412,00) por 12 e multiplicando pelo número de meses trabalhados.

Como sacar o abono salarial?

Para sacar o abono salarial PIS/PASEP, siga os seguintes passos:

  1. Verifique seu direito: Consulte o aplicativo “Carteira de Trabalho Digital” ou o portal Gov.br para verificar se você tem direito ao abono salarial e o valor a ser recebido.

  2. Veja a data de pagamento: Confira o calendário de pagamentos, que é organizado conforme o mês de nascimento para o PIS e o número de inscrição para o PASEP.

  3. Forma de recebimento:

    • PIS: Os pagamentos são realizados pela Caixa Econômica Federal. O valor pode ser creditado automaticamente em contas da Caixa, como conta corrente, poupança ou conta digital Caixa Tem.
    • PASEP: Os pagamentos são feitos pelo Banco do Brasil. Os servidores públicos podem receber o valor em conta corrente ou poupança do BB, ou solicitar a transferência para outras instituições financeiras.
  4. Saque presencial: Caso o valor não seja creditado automaticamente, você pode ir até uma agência da Caixa (para o PIS) ou do Banco do Brasil (para o PASEP) com um documento de identificação para realizar o saque.

  5. Transferência bancária: Para maior conveniência, é possível realizar transferências eletrônicas diretas (TED) para contas de mesma titularidade em outras instituições financeiras.

Lembre-se de manter seus dados pessoais e trabalhistas atualizados para garantir o correto recebimento do benefício.

Ariel França
Escrito por

Ariel França