Bolsa Família e Tarifa Social em Risco: Você tem poucos dias para não perder

Os beneficiários dos programas Bolsa Família e Tarifa Social de Energia Elétrica em todo o Brasil têm um prazo importante para atualizar seus dados cadastrais.

Os beneficiários dos programas Bolsa Família e Tarifa Social de Energia Elétrica em todo o Brasil têm um prazo importante para atualizar seus dados cadastrais. Veja, abaixo, o que está acontecendo.

Bolsa Família e Tarifa Social em Risco: Você tem poucos dias para não perder (Imagem:  Jeane de Oliveira/ FDR)

A atualização é essencial para evitar a interrupção dos benefícios, que são fundamentais para muitas famílias manterem suas despesas básicas.

Para garantir a continuidade dos benefícios, os beneficiários devem comparecer ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo.

O atendimento geralmente ocorre durante o horário comercial e é necessário levar documentos como CPF, título de eleitor, certidão de nascimento, RG e comprovante de residência.

Todos os membros da família precisam ter seus documentos atualizados, especialmente em casos de indígenas ou quilombolas, que possuem regras específicas para apresentação de documentos​.

Dados do Cadastro Único desatualizados

A não atualização dos dados pode resultar na suspensão dos benefícios, causando sérios problemas financeiros para as famílias.

Além disso, a atualização correta dos dados permite ao governo identificar melhor as necessidades das famílias e proporcionar o suporte adequado.

Portanto, é muito importante não deixar essa atualização para a última hora, pois a demanda pode ser alta e imprevistos podem ocorrer.

Os beneficiários devem estar atentos a mensagens falsas que circulam por SMS e WhatsApp, que alegam a necessidade de atualização dos dados por meio de links.

A Secretaria de Avaliação, Gestão da Informação e Cadastro Único esclarece que não envia links para atualização cadastral. Qualquer mensagem suspeita deve ser denunciada pelo Disque Social no número 121​.

Como atualizar o CadÚnico

O processo de atualização inclui uma entrevista realizada por um entrevistador social, que coleta informações detalhadas sobre a realidade da família, como composição familiar, despesas, características do domicílio, e a presença de pessoas com deficiência ou membros indígenas ou quilombolas.

Após essa entrevista, os dados são inseridos no Sistema de Cadastro Único, onde são verificados e um Número de Identificação Social (NIS) é atribuído a cada membro da família, se necessário​.

O governo realiza ações de revisão cadastral anualmente, convocando famílias com dados desatualizados para uma nova atualização.

Famílias que não atualizam seus dados há mais de quatro anos podem ter seus registros excluídos do Cadastro Único, perdendo o acesso aos benefícios sociais.

Quem precisa atualizar os dados?

  1. Aplicativo Meu CadÚnico: Utilize o aplicativo “Meu CadÚnico”, disponível para smartphones. Ele possibilita a impressão do comprovante de cadastramento e informa se o cadastro está desatualizado ou se a família está incluída em algum processo de averiguação cadastral​.

  2. Notificações Oficiais: Fique atento a notificações enviadas pelos órgãos responsáveis, como mensagens no aplicativo do CadÚnico, nos aplicativos do Bolsa Família e Caixa Tem, ou mensagens na fatura da conta de energia elétrica.
  3. Documentos Pessoais e Comprovantes: Verifique se houve mudanças recentes em sua situação familiar, como nascimento, falecimento, mudança de endereço ou emprego. Qualquer alteração deve ser informada e pode requerer uma atualização no cadastro.
  4. Período de Atualização: Se a última atualização dos seus dados foi feita há mais de dois anos, é provável que você precise atualizar seu cadastro. O governo realiza revisões cadastrais anuais e pode convocar famílias com dados desatualizados para uma nova atualização.
  5. Contato com CRAS: Em caso de dúvida, dirija-se ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo. Os funcionários podem verificar a situação do seu cadastro e informar se há necessidade de atualização.

  6. Telefone 121: Ligue para o Disque Social no número 121 para esclarecer qualquer dúvida sobre a necessidade de atualizar seus dados e obter orientações sobre o processo.

Ariel França
Escrito por

Ariel França