R$ 6.220 na Mão: Moradores de Áreas Afetadas Podem Sacar do FGTS da forma mais fácil possível

O saque calamidade do FGTS está liberado para muitos brasileiros que residem em áreas afetadas por desastres naturais.

O saque calamidade do FGTS está liberado para muitos brasileiros que residem em áreas afetadas por desastres naturais. Confira, abaixo, como receber o valor.

R$ 6.220 na Mão: Moradores de Áreas Afetadas Podem Sacar do FGTS da forma mais fácil possível (Imagem:  Jeane de Oliveira/ FDR)

Para ter direito ao saque calamidade, é necessário ser residente em uma área oficialmente declarada como de calamidade pública pela Defesa Civil.

Além disso, o trabalhador precisa ter saldo disponível em sua conta do FGTS e não ter realizado saque pelo mesmo motivo nos últimos 12 meses.

Recentemente, o Decreto nº 12.016, de 7 de maio de 2024, flexibilizou essa regra, dispensando o intervalo de 12 meses para saques em municípios específicos do Rio Grande do Sul afetados por calamidades sucessivas.

Valor do saque do FGTS

O valor máximo permitido para saque é de R$ 6.220,00, limitado ao saldo disponível na conta do trabalhador.

O prazo para solicitação varia conforme a região afetada, e é crucial que os interessados iniciem o processo o quanto antes para garantir o auxílio dentro do prazo estabelecido​.

Como solicitar o saque calamidade do FGTS

Existem três maneiras principais de solicitar o saque calamidade do FGTS: através do aplicativo FGTS, em casas lotéricas ou diretamente nas agências da Caixa Econômica Federal.

Aplicativo FGTS

  • Baixe e acesse o aplicativo FGTS.
  • Clique na opção “Solicitar Meu Saque 100% digital” ou vá ao menu inferior e selecione “Saques”.
  • Escolha “Solicitar saque” e indique o motivo como “Calamidade pública”.
  • Informe a localidade afetada e siga as orientações para completar a solicitação.
  • Documentos necessários: documento de identificação (RG, CNH ou passaporte), uma selfie para verificação de identidade e um comprovante de residência emitido até 120 dias antes da calamidade​.

Casas Lotéricas

  • Apresente um documento de identificação e um comprovante de residência.
  • O comprovante deve estar no nome do trabalhador ou, se estiver em nome do cônjuge, deve ser acompanhado de certidão de casamento ou declaração de união estável.

Agências da Caixa Econômica Federal

  • Compareça a uma agência com os mesmos documentos requeridos para o saque via aplicativo ou lotéricas.
  • O atendimento pode ser feito por ordem de chegada, e é recomendável chegar cedo para evitar filas longas.

Regras do saque-aniversário do FGTS

O governo tem atualizado constantemente as regras do saque calamidade para atender de forma mais eficaz as necessidades dos trabalhadores afetados.

Além da dispensa do intervalo de 12 meses para novos saques em determinadas áreas, também houve simplificações nos processos de comprovação de residência, facilitando ainda mais o acesso ao benefício​.

Essa medida emergencial é importante para ajudar os trabalhadores a reconstruírem suas vidas após desastres naturais.

Para mais informações detalhadas e atualizações, consulte os sites oficiais da Caixa Econômica Federal e do Governo Federal, onde estão disponíveis todos os detalhes sobre o processo de solicitação e as últimas mudanças nas regras do benefício.

 

Ariel França
Escrito por

Ariel França